TOPO
Publicado na categoriaArtigos

7 Dicas para melhorar a acessibilidade do Windows 7 – Parte 2

Nessa segunda parte do artigo, vou sugerir mais quatro dicas para melhorar a acessibilidade do Windows 7.

Caso você ainda não tenha lido as três primeiras dicas, vá correndo ler a primeira parte deste artigo e depois volte aqui para continuar a leitura.

Dica 4: Desempenho

Muita gente não consegue associar ou não entende a relação entre desempenho e acessibilidade no computador. Para muitos uma coisa não tem nada haver com a outra. É como ir à um show de rock pesado e chegando lá tá rolando um belo dum baile funk.

Vamos avaliar da seguinte forma:

Do lado do desempenho, uma boa máquina precisa ter um bom processador, uma quantidade razoável de Memória RAM e uma placa de vídeo decente. Concorda? Se não concordar eu paro de escrever esse artigo agora mesmo!

Do lado da acessibilidade, um ampliador de telas para deixar tudo grande na tela do monitor, pra você não ter que ficar com a cara grudada nele, faz mais e por maior tempo requisições ao processador, memória e placa de vídeo. O mesmo acontece com os leitores de telas.

No Windows é possível seguir o caminho do desempenho, abrindo mão do visual e frescuras estéticas ou seguir o caminho da beleza e aparência, obtendo um desempenho menor. Qual você prefere? Eu prefiro ter meu computador tinindo a mil por hora!

Se você não tem um computador tão bom assim ou simplesmente quer aumentar a performance da sua máquina siga os passos: Abra o Menu Iniciar e digite “Ajustar o desempenho”. Como resultado você terá a opção Ajustar a aparência e o desempenho do Windows. Tecle Enter.

Na janela que se abre você tem quatro opções: Deixar o Windows escolher a melhor opção para o computador, Ajustar para obter uma melhor aparência, Ajustar para obter um melhor desempenho e Personalizar. Com a seta para baixo escolha a opção Ajustar para obter um melhor desempenho. Com a tecla Tab navegue até o botão OK.

Observação: essa alteração no sistema desabilita TODO E QUALQUER tipo de efeito visual que o sistema possui em prol do desempenho da máquina. Sendo assim você estará economizando recursos para acomodar melhor seu leitor e/ou ampliador de telas.

Dica 5: Central de facilidade de acesso

A Central de Facilidade de Acesso é um local onde você pode modificar configurações e programas de acessibilidade disponíveis no Windows. Você pode ajustar uma série de configurações que facilitam a vida de pessoas com deficiência ou algum tipo de restrição mais grave.

Na Central de Facilidade podemos encontrar opções voltadas às pessoas com deficiência visual, física/motora, intelectual e auditiva. Como o foco do nosso artigo é nas pessoas com deficiência visual, mostrarei somente nas opções para esse público.

Para abrir a Central de Facilidade, abra o Menu Iniciar e digite “Central de Facilidade” ou utilize o atalho Windows + U. Com a tecla Tab navegue entre as opções disponíveis. As opções que merecem destaque e valem a pena você dar uma fuçada são: Iniciar Lupa, Iniciar o Narrador (leitor de telas nativo do Windows) e Obter recomendações para facilitar o uso do computador.

Neste último caso o Windows fará várias perguntas relacionadas as principais dificuldades das pessoas no uso do computador e no final irá sugerir as alterações que podem ser feitas de acordo com as respostas dadas.

Dica 6: Mantenha seus programas e seu sistema atualizados

Muitos problemas de acessibilidade podem ser sanados com uma simples atualização do Windows, dos programas que controlam a placa de vídeo, som e etc ou dos programas que fazem a leitura ou a ampliação da tela.

Por exemplo, se o NVDA não estiver lendo uma tela do Word, o problema pode estar no próprio Word, no leitor de telas ou no Windows.

No caso do Windows, instale todas as atualizações sugeridas pela Microsoft através do Windows Update.

No caso dos seus programas de acessibilidade ou de outro qualquer, procure acessar regularmente o site do desenvolvedor em busca de novas versões e/ou scripts que possam melhorar ou resolver falhas dos mesmos.

Dica 7: Acessibilidade Atitudinal

Assim como no artigo Dicas para agilizar sua navegação em sites com leitor de telas, volto a falar de Acessibilidade Atitudinal, não adianta nada ficarmos parados com cara de bengala dobrada esperando que o problema seja resolvido por si só.

Acessibilidade Atitudinal é buscar alternativas para solucionar problemas que envolvam a acessibilidade. Paciência e persistência também são requisitos na hora de transformar problemas em soluções.

Diferentemente das outras dicas, essa última não tenho como entrar na sua cabeça e dizer o que e nem como você deve resolver seus problemas de acessibilidade no computador, até porque no mundo da informática as variáveis são infinitas e de uma hora para outra as coisas param de funcionar e tudo simplesmente acaba, assim como esse artigo.

«
»

Fique a vontade para comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *